Manifestação do MST no 1° de maio cobra terra, moradia, trabalho e justiça no Maranhão

2 maio

Do MST:

Cerca de mil pessoas, organizadas pelo MST, realizaram nesta terça-feira (01) a Jornada de Lutas por Terra, Trabalho, Moradia e Justiça no Maranhão. O município de Bom Jesus das Selvas, onde aconteceu a atividade, é uma região marcada por intensos conflitos agrários e de diversas violações de direitos humanos.

A Jornada realizada no dia histórico para a classe trabalhadora promoveu várias atos públicos, palestras, passeatas e o trancamento da rodovia BR 222 por duas horas.

Além de marcar o 1° de maio, a Jornada também objetivou construir uma agenda conjunta entre organizações da sociedades civil na construção da luta pela terra, moradia, trabalho e justiça social, formulando assim um levantamento de demandas para a consolidação das reivindicações sociais na região.

O município de Bom Jesus das Selvas, centro-oeste do Maranhão, vive ameaçado por grandes projetos econômicos. Entre eles estão as imensas plantações de eucaliptos para produção de carvão para as siderúrgicas e a duplicação da estrada de Ferro Carajás, que tem a mineradora Vale como administradora.

Estes grandes projetos fazem parte do chamado Corredor Grande Carajás, que liga Parauapebas, no estado do Pará, a São Luis do Maranhão, transportando recursos minerais extraídos na região.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: