#11/7 – Caminhada leva ao encontro de manifestantes que ocupam a Câmara de Porto Alegre

11 jul

Texto e fotos: Alexandre Haubrich / Jornalismo B

DSCF2835

O caminho até a democracia teve um grande contorno pelo Centro de Porto Alegre em direção à Câmara de Vereadores, na tarde desta quinta-feira de greve geral nacional. Cerca de duas mil pessoas estiveram na caminhada puxada pelo Bloco de Luta pelo Transporte Público, saíram do Largo Zumbi dos Palmares, pegaram a Borges de Medeiros e a Avenida Mauá até juntarem-se às dezenas que os aguardavam na Câmara ocupada pelo povo. Foram recebidos com muito canto, muitos aplausos e um cordão humano de luta e força.

Tendo à frente o Bloco mas com participação de diversos sindicatos, o ato saiu do Largo por volta das 14h45, com cartazes e faixas que remetiam às mais diversas pautas. Mas quem mais fazia barulho e chamava a atenção era o grande grupo que, saído da ocupação da Câmara e somado a outros militantes do Bloco, mantinham o ritmo dos cantos e a animação da caminhada. Uma grande faixa verde e amarela com os dizeres “Marighela vive” e o rosto do revolucionário brasileiro, levada pela Frente Nacional dos Torcedores, se destacava. O coletivo Juntos, que não participara dos primeiros momentos da ocupação, também levou uma grande quantidade de militantes. Somavam-se a eles ANEL, Federação Anarquista Gaúcha e Frente Autônoma, além dos vários sindicatos.

Depois de um trajeto tranquilo, a chegada à Câmara de Vereadores trouxe imagens impressionantes. A Câmara está ocupada pelo Bloco desde a tarde de ontem e até que sejam aprovados o Passe Livre municipal e a abertura das contas das empresas de transporte coletivo. As duas mil pessoas que chegaram à Casa após a marcha foram recebidas com um grande cordão humano, que gritava que “somos o povo”. É claro que os recém chegados – ou retornados – cantaram junto, antes de começarem a se espalhar pelo pátio.

Cerca de uma hora depois teve início uma Assembleia Popular. Falaram integrantes do Bloco,  seguidos por representantes de todos os sindicatos presentes. Depois foi aberto o microfone, e foram mais algumas dezenas de inscrições, nas quais manifestantes defenderam as mais diversas pautas dos movimentos populares. Finalmente o espaço interno da Câmara foi preparado para receber ainda mais pessoas do que já vinha recebendo nas últimas horas, uma parte dos militantes se dispersou e a outra começou a se preparar para mais uma longa noite de democracia.

DSCF2768

DSCF2773

DSCF2776

DSCF2777

DSCF2780

DSCF2781

DSCF2783

DSCF2784

DSCF2785

DSCF2787

DSCF2788

DSCF2789

DSCF2791

DSCF2793

DSCF2795

DSCF2796

DSCF2798

DSCF2800

DSCF2801

DSCF2805

DSCF2808

DSCF2810

DSCF2813

DSCF2814

DSCF2816

DSCF2833

DSCF2843

DSCF2846

DSCF2848

DSCF2849

DSCF2850

DSCF2852

DSCF2855

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: